blog

blog

quarta-feira, 14 de junho de 2017

Quixeramobim também festejou

q
Considerada a segunda maior festa em homenagem ao Santo casamenteiro, a de Quixeramobim também é uma das mais extensas do Ceará ( Foto: Alex Pimentel )
Quixeramobim. Na tarde do dia dedicado ao padroeiro desta cidade do Sertão Central, a tradicional procissão de Santo Antônio percorreu as principais ruas. Os fiéis decoraram novamente as suas casas e alguns até as ruas onde moram, para receberem o cortejo especial com a participação de milhares de devotos. Debaixo de um sol escaldante, ninguém se rendeu ao calor. Crianças, jovens, adultos e idosos, faziam questão de acompanhar o cortejo religioso.
O momento de maior emoção foi a chegada da imagem do Santo à Igreja Matriz. Os devotos mais fervorosos passaram a chorar, erguendo as mãos para o alto, agradecendo graças alcançadas. "Viva Santo Antônio! Viva! Viva Santo Antônio! Viva!", gritavam. Em seguida, após a missa presidida pelo bispo dom Ângelo Pignoli, houve queima de fogos. Era o encerramento das homenagens ao protetor dos pobres e dos animais.
Considerada a segunda maior festa em homenagem ao Santo casamenteiro, a de Quixeramobim, também é uma das mais extensas do Ceará.
As comemorações, iniciadas em 28 de maio, com carreata e a bênção dos veículos, se encerram somente hoje, com o arreamento da bandeira, no início da noite, do mastro fincado diante da Igreja Matriz, entregue aos fiéis em 1732. De lá para cá, todo ano tem homenagem a Santo Antônio.
Nos 13 dias de festas deste ano, além das quermesses, da feira de ambulantes, do Barracão de Santo Antônio, o 1º Santo Antônio Festeiro, na Praça Capitão Dias Ferreira, promovido pela Secretaria de Cultura do Município, atraiu um grande público, nas três noitadas de shows.
No Barracão, onde foi realizado o Leilão de Santo Antônio, um bolo especialmente confeitado com a imagem do santo foi arrematado por R$ 10.800. Quem deu o lance maior foi o empresário Antônio Edilson Barbosa Gomes, conhecido como "Baixin do Parque". Ele é proprietário do parque de diversão instalado no entorno da Matriz durante o período das festas.
Além do aspecto religioso, os festejos aquecem a economia da cidade. Diante de um País em crise, na última semana, os hotéis atingiram ocupação total e os restaurantes lotaram. Os resultados positivos também foram comemorados nos barracões erguidos ao lado da Igreja Matriz. Houve um acréscimo nas vendas em relação ao ano passado. Um dos exemplos é o barracão dos churrascos. Conforme o responsável, Renato Rabelo, foram vendidos 29 carneiros a mais neste ano. O número de espetinhos de carne ultrapassou cinco mil, comemorou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário