blog

blog

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Julgamento no Tribunal Regional Federal poderá por fim ao bloqueio do precatório dos professores de Juazeiro

Resultado de imagem para fotos Tribunal Regional Federal ceara
Nesta quinta-feira, a Procuradoria Geral do Município e a Chefia de Gabinete da prefeitura de Juazeiro, estarão sendo representados pelos advogados Bernardo Oliveira e Nildo Rodrigues, respectivamente, em Recife, para mais uma tentativa de conseguir a ilegitimidade da ação impetrada pelo Sindicato APEOC, junto ao Tribunal Regional Federal, da quinta Região. A ação impetrada na Justiça Federal gerou o bloqueio do precatório devido à decisão liminar do TRF5. O julgamento da ação acontece pela manhã e o processo terá relatoria do desembargador federal Fernando Braga. A ação é um dos principais motivos do atraso no repasse do dinheiro que os professores da rede municipal de ensino têm direito a receber desde dezembro do ano passado, mas está adormecido nas contas da Prefeitura
de Juazeiro desde então, por conta do impasse. Os professores municipais de Juazeiro não reconhecem o sindicato como legítimo representante dos seus interesses e o município quer que o TRF5 reconheça a ilegitimidade da entidade em representar o magistério.

Nenhum comentário:

Postar um comentário