blog

blog

domingo, 11 de junho de 2017

Coordenação de Arte e Cultura presente na solenidade de instalação de escritório da Secult no Cariri

Imagem inline 5
A Secretaria de Cultura do Estado passa a contar, a partir desta sexta-feira, dia 9, com Escritório Regional da Secult no Cariri, o primeiro a ser instalado no Ceará. A solenidade de instalação aconteceu no auditório da Vila da Música, em Crato, durante a reunião setorial da Cultura na Macrorregião do Cariri, no segundo dia em que a Caravana da Cultura do Governo do Estado realiza programação. O Escritório regional terá salas de atuação além de Crato, Juazeiro do Norte, no Memorial Padre Cícero, em espaço cedido pela Coordenação de Arte e Cultura do Município, além da cidade de Brejo Santo. O espaço será coordenado no Cariri pela gestora cultural, Dane de Jade.
Durante o segundo dia de realização a Caravana, foram assinados convênios de Cooperação Técnica entre o Governo do Estado, por meio da Secult, e a Universidade Regional do Cariri (URCA) e Universidade Federal do Cariri (UFCA). O evento contou com a presença do Secretário de Cultura do Estado, Fabiano Santos Piuba, além do Coordenador de Cultura de Juazeiro do Norte, Alemberg Quindins, e técnicos da área; o secretário de Cultura do Crato, Wilton Dedê, além de Santana do Cariri, Ypsilon Félix, entre outras cidades da região representadas. A solenidade teve a apresentação da Orquestra Solibel e o Grupo Distinto Duo.
O Secretário de Cultura do Estado destacou o papel importante que a arte e cultura exercem, ao ressaltar que as políticas neste segmento se tornam importantes para o desenvolvimento humano, além do aspecto econômico. Para ele, é uma grande alegria poder abrir no Cariri o primeiro escritório regional, como ocorrerá em outras regiões do Estado. Piuba realizou apresentação do Plano Estadual de Cultura e Políticas Culturais do Governo Camilo Santana.
Imagem inline 6
Ocupação dos equipamentos
Para o coordenador Alemberg, há uma necessidade de atuação das instituições culturais e, para isso, elas precisam ser acionadas. Conforme Alemberg, a sua atuação estará pautada primeiro em reestruturar os prédios dos equipamentos de cultura de Juazeiro do Norte, realizando em seguida a capacitação dos agentes e funcionários públicos que atuam na área, e finalmente haver ocupação desses espaços. “No Marquise Branca já são seis grupos de teatro realizando residência”, disse ele.
Alemberg ainda ressaltou a que o objetivo do trabalho a ser desempenhado na cultura juazeirense, e consequentemente do Cariri, é poder chegar aos artistas e produtores, e consequentemente eles cheguem ao povo, com a sua arte e cultura. “Temos que ver a crise como uma oportunidade para se fazer cultura, com criatividade”, afirma. O secretário de Cultura do Crato, salientou a responsabilidade dos gestores e instituições em apoiar a coordenação regional de cultura, já que essa foi uma demanda dos gestores junto ao Governo do Estado.
Investimentos e articulação
Na ocasião, o secretário Fabiano Piuba anunciou que será lançado em breve, pela primeira vez, desde que a Secretaria estadual de Cultura foi criada, um edital voltado para as secretarias municipais, no valor de R$ 10 milhões, a projetos direcionados aos equipamentos culturais, reforma desses espaços; biblioteca, patrimônio, seja edificado ou manifestações cultuais, e fomento à arte.
De acordo com coordenadora, Dane de Jade, o escritório regional terá, entre as funções a serem exercidas, a missão de aproximar as secretarias regionais, na perspectiva de ações para a região do Cariri. Segundo ela, o escritório está estruturado nos eixos de articulação, para mobilização dos sistemas nacional, estadual e municipal de cultura, para criação de uma rede integrada na região; formação, fundamental para a ação da funcionalidade das estruturas; e a gestão dos equipamentos e projetos culturais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário