blog

blog

quarta-feira, 14 de junho de 2017

Transposição: governador se reúne com presidenta do STF para tratar retomada das obras

STF_1_WEB.jpg

Camilo Santana apresentou a situação hídrica do Estado e a importância da retomada das obras da transposição

O governador Camilo Santana apresentou nesta terça-feira (13), em Brasília, a situação hídrica do Ceará à presidenta do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Carmen Lúcia. O tema central do encontro, que contou com a presença dos governadores Ricardo Coutinho (PB) e Robinson Faria (RN), do presidente do Senado, Eunício Oliveira, e do ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, foi a retomada das obras do eixo norte da Transposição do São Francisco.

A decisão da presidente do STF deve ser tomada até a próxima semana. "Apresentamos a situação hídrica dos estados da região, em especial a do Ceará, e solicitamos que a ministra Carmen Lúcia olhasse com muito carinho para essa importante obra, que é a transposição. A presidenta do STF se comprometeu a tomar uma decisão até a próxima semana. É fundamental que a obra seja retomada o mais rápido possível", citou o governador Camilo Santana, que estava acompanhado do secretário dos Recursos Hídricos, Francisco Teixeira.

Cinturão das Águas

No último sábado, o governador participou, em Missão Velha, da solenidade de conclusão da obra do túnel Veneza, o maior equipamento - 2.322,36 metros - do Cinturão das Águas do Ceará. O CAC vai receber as águas da Transposição do São Francisco e será responsável por abastecer diversas regiões do estado, incluindo a Região Metropolitana de Fortaleza. "É a segurança de que nosso estado não sofra com o desabastecimento", afirmou Camilo Santana.

Segurança hídrica 

O Governo do Ceará investiu, desde 2015, recursos da ordem de R$ 400 milhões na área de recursos hídricos. Foram perfurados mais de três mil poços, mais de 340 km de adutoras de norte a sul do Ceará, foram instalados mais de 550 chafarizes, 191 sistemas de dessalinização de água e mais 222 sistemas de dessalinização do Programa Água Doce.

Nenhum comentário:

Postar um comentário